UMA PLANTA MUITO SIMPLES CONSEGUE MATAR ATÉ 98% DE CÉLULAS CANCERÍGENAS E TAMBÉM FREAR O DIABETES

Este texto foi traduzido e adaptado do artigo original, escrito pelo Dr. Frank Shallenberger, e o link dessa versão encontra-se no final da matéria. Trata-se de uma tradução livre do artigo escrito em primeira pessoa publicado por Shallenberger. Acompanhe:

Eu estou sempre buscando por substâncias que dão uma “chave de braço” no metabolismo peculiar das células cancerosas. É vital que essas substâncias matem as células doentes e deixem as saudáveis intactas. Já falei sobre algumas de minhas descobertas científicas no passado, como o resveratrol, chá verde, seanol e outros. Mas hoje eu vou lhes falar sobre outra planta que seguramente mata o câncer de fome com tanta eficácia quanto uma quimioterapia. Na verdade, funciona inclusive no câncer de pâncreas, um dos mais difíceis de se combater.

A planta é um vegetal comum da Ásia e que tem o nome de melão amargo (Momordica charantia – no Brasil, pode ser conhecido como melão-de-são-caetano), sendo popular na região de Okinawa, no Japão.

O suco do vegetal, na concentração de 5% em água mostrou ter um potencial assombroso de lutar contra o crescimento dos quatro tipos de cânceres pancreáticos pesquisados, dois dos quais foram reduzidos em 90%, e os outros em incríveis 98% apenas 72 horas após o tratamento!

Já comentei em outros artigos a respeito da apoptose, que é a resposta natural de um organismo em lidar com células fora do comum – que simplesmente suicidam. O suco induziu essa morte programada por vários caminhos diferentes. Um desses caminhos foi o de colapsar o metabolismo de alimentação por glicose das células doentes, ou seja, privou-as do açúcar que elas necessitam para sobreviver.

Será que esses estudos de laboratório também servem para animais vivos? A resposta é um sonoro “sim”! Pesquisadores da Universidade de Colorado aplicaram doses em ratos que seriam proporcionais a humanos, e eles apresentaram uma redução em 64% do tamanho de seus tumores, sem efeitos colaterais. Esse nível de melhora ultrapassa os alcançados atualmente com o uso de quimioterapia para um tipo de câncer tão letal.

O responsável pela pesquisa na universidade, Dr Rajesh Agarwal, observou o costume chinês e indiano de usar o fruto em remédios para diabetes. Vendo que esta doença tende a vir antes do câncer pancreático, o doutor associou as ideias, criando novos rumos nas investigações existentes.
A dose utilizada foi de seis gramas de pó do melão amargo para um adulto de porte médio (75 quilos). Os grandes laboratórios e companhias farmacêuticas buscam encontrar petroquímicos patenteáveis que obtenham o mesmo resultado que Deus colocou nesse vegetal. Eles ficam boquiabertos como uma planta tão despretensiosa consegue desnutrir o câncer sem precisar de nenhuma química complexa.
No centro médico da Universidade de Saint Louis, a Dra. Ratna Ray, Ph. D. e professora de patologia, liderou pesquisas similares, testando primeiramente em células de câncer de mama e próstata e depois experimentando em cânceres da cabeça e pescoço, que embora representem 6% apenas dos casos, são agressivos e se espalham facilmente, começando por vezes pela boca, garganta, nariz.

Com efeito, após quatro semanas de tratamento controlado em animais, o volume e crescimento dos tumores reduziu. A doutora ressalta: “É difícil medir o resultado exato do tratamento com o extrato de melão amargo no crescimento das células, porém combinado com as terapias e remédios existentes, pode auxiliar na eficácia do combate ao câncer.”

Pesquisadores descobriram recentemente que a síndrome metabólica é amenizada pelos benefícios no metabolismo glicólico. Ótimas notícias, pois não se destrói o câncer por uma via só, e eu acredito que deve ser multifocal: em outras palavras, fortalecer o sistema imunológico, desintoxicar, eliminar infecções dentais e materiais tóxicos dos dentes, alcalinizar o organismo, oxidar o corpo com terapia com oxigênio, e prover nutrientes específicos para dar uma “chave de braço” nos caminhos particulares do metabolismo do câncer.

Todas as células cancerosas mostram uma produção anormal de energia que utiliza fermentação ineficiente de glicose. O melão amargo pode ser um excelente aliado ao combate dessa produção de energia anormal. Você pode encontrá-lo na maioria das lojas naturais ou comprar online.
O artigo original pode ser conferido aqui: http://www.secondopinionnewsletter.com/Health-Alert-Archive/View-Archive/2172/Simple-plant-kills-up-to-98-of-cancer-cells–and-stops-diabetes.htm?utm_source=FB&utm_medium=POST&utm_campaign=SOHA11162013

LInk deste texto: http://www.folhadelimoeiro.com/2015/04/uma-planta-muito-simples-consegue-matar.html

 

so_pria

Sua Saúde Natural!
www.pria.com.br

Anúncios

ÓLEO DE SUCUPIRA

1423492640_full.jpeg

Potencial fitoterápico de uso em inflamações, dores e para aqueles que se sentem abalados por intenso sofrimento.

Inúmeros estudos científicos têm demonstrado que moléculas presentes no óleo essencial de sucupira possui forte atividade anti-cancerígena e anti-inflamatória. A maioria destes estudos são desconhecidos e é dada pouca atenção ao enorme potencial fitoterápico inerente a esta planta.

Neste formidável artigo você terá a chance de se aprofundar no potencial terapêutico do óleo de sucupira, conhecer suas moléculas ativas e os aspectos sutis que seu óleo essencial trabalha na parte emocional. Para ler ele na íntegra acesse:

http://laszlo.ind.br/campanhas/Oleo_essencial_de_Sucupira-branca-Pterodon-emarginatus.pdf

Abaixo alguns trechos do artigo:

Aspectos sutis e energéticos:

A sucupira faz parte da mesma família do feijão. É uma árvore de porte médio, de 8 a 16 metros, de copa piramidal rala, que nasce em terrenos secos e arenosos e que ajuda na melhoria dos solos devido a realizar um processo de simbiose com bactérias que fixam o nitrogênio da atmosfera.

Para resistir à seca, a sucupira forma em suas raízes nódulos de expansão como reserva de água em formato de batatas.

O seu óleo essencial concentra-se apenas nas sementes com a função de inibir sua germinação até a época de chuva intensa, além de atuar na sua proteção contra insetos. As sementes são protegidas por uma dura couraça e a grande concentração de óleo e resina em seu interior evita sua desidratação e morte sob o intenso sol do cerrado.

O óleo da sucupira possui características calmantes e ansiolíticas, tranquilidade esta necessária para a sobrevivência de uma árvore que nasce em lugares tão estressantes, principalmente em se tratando de disponibilidade de água. Sua resistência à falta de água mostra uma capacidade “emocional” de saber lidar com os aspectos áridos da vida.

Indicado para aqueles abalados por intenso sofrimento neste mundo, que tem que conviver com pessoas ríspidas, sem carinho ou emotividade, tornando-se por vezes pessoas tristes, feridas e amarguradas, que não deixam fluir mais as emoções de forma natural. Nestes casos, as mágoas e ressentimentos guardados são somatizados na forma de couraças e nódulos emocionais, que fisicamente podem se manifestar na forma de tumores e câncer.

Indicações estéticas:

– Regeneração e rejuvenescimento da pele +
– Ação anti-acne e antisséptica da pele

Indicações terapêuticas:

– Anti-histamínico (útil em asma e alergias de pele e respiratórias) +
– Antiinflamatório útil em bursites, artrites e reumatismos +++
– Fibromialgia ++
– Analgésico moderado, útil em tendinites, contusões e distensões musculares ++
– Antiespasmódico (cólicas menstruais e de outros tipos) ++
– Antiulcerativo e gastroprotetor ++
– Cicatrizante útil em feridas e queimaduras +++
– Útil em gengivite (sangramento das gengivas) ++
– Anticancerígeno +++
– Calmante suave
– Antimicrobial

Este óleo essencial você encontra na

so_pria
Sua Saúde Natural!
www.pria.com.br

COMPONENTE DO ÓLEO DE ESTRAGÃO AUMENTA AÇÃO DOS MACRÓFAGOS

10658541_705538349517113_879127407358124005_o

COMPONENTE DO ÓLEO DE ESTRAGÃO AUMENTA AÇÃO DOS MACRÓFAGOS

Cientistas descobriram que o composto estragol (metil chavicol) faz os macrófagos aumentarem a fagocitose, devorando mais agentes invasores e microorganismos. Este efeito impacta também no câncer, uma vez que os macrófagos são devoradores de tumores. O estudo também apontou ação antiinflamatória deste componente devido a ele inibir a liberação das citocinas IL-1b e TNF-a que promovem a migração de leucócitos (neutrófilos) para a área inflamada. Houve também aumento da liberação de óxido nítrico por parte dos macrófagos que tem efeito citotóxico, como um antibiótico, mantando micróbios invasores.

Link: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4135144/pdf/ECAM2014-784689.pdf

Óleos ricos em estragol são o estragão (o da Laszlo tem 93% pela cromatografia (GC)) e o manjericão exótico (74% em nosso óleo segundo a GC).

Estes óleos você encontra na
PRIA
Sua Saúde Natural!
www.pria.com

COMPARTILHE: TRATAMENTO REVOLUCIONÁRIO DO CÂNCER!

10371933_693937564010525_4577016968555883779_n 10659212_693935327344082_7177930603512338173_n

POTENTE TRATAMENTO QUE RESTAURA A IMUNIDADE ORIGINAL TEM TIDO ALTOS RESULTADOS EM CÂNCER, LÚPUS, AUTISMO, ESCLEROSE MÚLTIPLA, FIBROMIALGIA, CIRROSE, INFLAMAÇÕES E DOENÇAS DEGENERATIVAS

texto de Fabian Laszlo

“GcMAF modifica a expressão de vários genes em células que expressam o receptor da vitamina D, o que explica que pode ser eficaz numa ampla variedade de condições que vão desde o câncer, autismo, esclerose múltipla, CFS, doença renal crónica, doenças neurológicas, tais como Parkinson e Alzheimer e condições associadas com poluições ambientais.”
Professor Ruggiero, MD, PhD. Biólogo Molecular

O que é GcMAF?
GcMAF é uma proteína produzida por todas as pessoas saudáveis.

Por que algumas pessoas não fazem mais GcMAF?
Tipos de câncer e vírus enviam uma enzima chamada Nagalase que neutraliza a capacidade do corpo para fazer GcMAF. (sem GcMAF nosso sistema imunológico vai para dormir)

O que podemos fazer se nós já não fazem GcMAF?
Fazemos GcMAF fora do corpo e, em seguida, administramos a ele.

Como GcMAF trabalha com Câncer?

1. GcMAF estimula as células brancas do sangue chamadas de macrófagos, para atacar e digerir os cânceres.

2. GcMAF inibe diretamente a proliferação de células de câncer e potencial metastático.

3. GcMAF reverte diretamente as células cancerosas de volta para as células saudáveis.

4. GcMAF inibe diretamente a angiogênese induzida por células de câncer (para o crescimento de novos vasos sanguíneos que nutrem tumores).

O site do Dr. yamamoto (descobridor do GcMAF) é:
http://www.saisei-mirai.or.jp/gan/index_eng.html

Link sobre muitas informações sobre GcMAF: http://www.saisei-mirai.or.jp/gan/macrophage_eng.html

LEIA neste super interessante PDF (PALESTRA) sobre o GcMAF, bem explicativo: http://www.saisei-mirai.or.jp/gan/pdf/20140629-indications-gcmaf-immunotherapy-cancers-chronic-viral-bacterial-infections-toshio-inui.pdf

Aqui tem preço e como orçar/comprar: http://www.saisei-mirai.or.jp/order_gcmaf/

Video: http://www.youtube.com/watch?v=D1WZrnCcH24
Onde macrófagos ativados pelo GcMAF devoram vorazmente células cancerosas que antes eles não atacavam.

GcMAF BOOK: http://gcmaf.timsmithmd.com/book/book/4/

GcMAF no tratamento do HIV – http://www.stbenedictshealthcare.com/Articles/HIV-15patients-2009.pdf

GcMAF no tratamento do autismo – http://www.stbenedictshealthcare.com/Articles/Autism-40patients-Dec2012.pdf

Probiótico GCMAF:
https://bisforbananascisforcancer.wordpress.com/category/supplement/gcmaf/
& onde comprar: http://www.enlander.com/apps/blog/new-maf-878-starter-powder

Oriente-se com seu médico, há uma alternativa para vários problemas, e está aqui, GcMAF: macrófagos e vitamina D

PRIA
Sua Saúde Natural!
www.pria.com.br

FERRO: A Doença do Sangue 

10649663_689142761156672_8968503358278598849_n

Relação do excesso de ferro no corpo advindo da carne com o surgimento de câncer, doenças degenerativas e o envelhecimento precoce. Leia o texto em:

http://www.angelfire.com/extreme/jesusvegetariano/hemocro.htm

PRIA
Sua Saúde Natural!
www.pria.com.br

ARTEMÍSIA: A NOVA ARMA CONTRA O CÂNCER?!

10676139_689130107824604_3906055421603400115_n

Texto de Fabian Laszlo

Cientistas descobriram que o componente artemisina da Artemisia annua, usado tradicionalmente no tratamento da malária, possui potente ação anticancerígena.
Em um estudo foi observada capacidade da artemisina matar 98% de células cancerígenas pulmonares em menos de 16 horas! Este efeito é alcançado pela associação da erva com ferro, justamente o motivo do parasita da malária morrer, pois ele é rico em ferro.

“In general, our results show that artemisinin stops ‘E2F1′ transcription factor and intervenes in destruction of lung cancer cells, meaning it presents a transcription way according to which artemisinin controls reproductive cancer cell growth”

Para ler mais ou assistir o vídeo a respeito acesse:

http://www.healthyfoodhouse.com/amazing-herb-kills-cancer-cells-in-just-16-hours/

http://www.whydontyoutrythis.com/2014/01/amazing-herb-kills-98-cancer-cells-just-16-hours.html

http://www.infiniteunknown.net/2014/07/06/artemisia-annua-amazing-herb-kills-98-of-cancer-cells-in-just-16-hours/

http://www.bioportfolio.com/resources/pmarticle/77537/Iron-enhances-generation-of-free-radicals-by-Artemisinin-causing-a-caspase-independent.html

A artemísia você encontra na Pria!
Sua saúde Natural!
www.pria.com.br