ÓLEO DE GERÂNIO REJUVENESCE A PELE AO ATUAR SOBRE O SISTEMA IMUNOLÓGICO LOCAL

Estudo demonstrou capacidade dos óleos essenciais de gerânio, hortelã verde e capim limão em inibir a migração de neutrófilos. Os neutrófilos são pequenos glóbulos brancos responsáveis pela linha principal de defesa do nosso corpo, Os neutrófilos liberam enzimas localmente com a intenção de destruir microorganismos ou toxinas, o que acarreta a formação de lesões locais, e possui associação direta também com o envelhecimento da pele, pois destas enzimas, a colagenase e a elastase especialmente, destroem o colágeno e a elastina da pele dando origem a rugas, manchas e um mau visual da mesma.

O tea tree no estudo não foi eficiente em inibir a migração dos neutrófilos e o óleo de gerânio foi o mais eficaz.

Estas observações apontam e confirmam o potencial de uso do óleo de gerânio em cosméticos com intenção de rejuvenescer a pele e prevenir a formação de rugas. Igualmente, demonstra potencial de uso destes óleos em situações inflamatórias onde a migração imunológica local é motivo de preocupação e agravamento de lesões, como exemplo, a degradação articular com o surgimento da artrose, incitada inicialmente por algum tipo de bactéria localmente.

Abe S1, et al. Suppression of neutrophil recruitment in mice by geranium essential oil. Mediators Inflamm. 2004 Feb;13(1):21-4.
LINK: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1781532/pdf/15203560.pdf

Este óleo você encontra na

so_pria
Sua Saúde Natural!
www.pria.com.br

Anúncios

O GERÂNIO E SEUS GEOTIPOS (TERROIRS)

10436084_697455306992084_2833084826551410031_n

A força da rosa que “nasceu” em forma de folha

Apesar do gerânio (Pelargonium graveolens) não ter a complexidade química que o óleo de rosas possui, ele é utilizado como uma alternativa a ele. Possui potencial preventivo do envelhecimento precoce da pele, cicatrizante, anti-oxidante, é útil em fórmulas para melhorar a celulite, trabalha as carências afetivas, medos e depressões. O gerânio também resgata o feminino dentro do indivíduo, curando traumas sexuais e bloqueios com a figura da “mãe”. Possui indicações como antiinflamatório, para regular sintomas da menopausa e TPM, no tratamento de vaginite e candidíase, e há estudos até de seu uso no controle glicêmico (diabetes) e para inibir a resistência de microorganismos a antibióticos e antifúngicos.

Pesquisas têm demostrado potencial do geraniol (um dos principais componentes ativos do óleo de gerânio) em tratar variados tipos de câncer, em especial aqueles associados ao desequilíbrio de hormônos femininos que afetam útero, ovários e mamas. Usado à noite, contribui na redução do medo de dormir sozinho ou no escuro, e ainda, massageado na região dos rins, reduz a incidência de enurese noturna (xixi na cama) em crianças.

A Laszlo é a única empresa brasileira que possui 5 geotipos de gerânios em comércio e virá a ter seu 6o em 2015, à partir de um cultivo nacional com destacável terroir (este termo francês não designa apenas a terra mas um conjunto de fatores tais como a geologia, a topologia, o clima e o manejo do produtor que afetam a qualidade final do produto).

Os geotipos ou terroirs (pronuncia-se terroar), dão origem a óleos com qualidade aromática e concentração de princípios ativos muito diferentes, como com o vinho, que possui qualidades e preços distintos conforme região de procedência (o terroir). Desta forma, com mais de uma variedade de um mesmo óleo, a Laszlo possibilita o acesso de aromaterapeutas e seus clientes a óleos mais baratos (de menor qualidade olfativa) ou mais caros (de maior qualidade olfativa). Apesar de haver distinta diferença nos aromas e preços, um gerânio mais barato não deixará de prevenir o envelhecimento da pele se for usado como substituto a um mais caro. Exceção a esta regra no caso de quimiotipos (raças químicas), onde os óleos mudam radicalmente sua composição química, alterando algumas vezes, seu uso por completo.

Os gerânios originários de Bourbon e África, possuem maior teor de geraniol, gabaritando-os a terem um perfume mais floral e similar ao da rosa. Portanto, são comercialmente mais caros (devido à alta qualidade), terapeuticamente mais eficientes e os únicos empregados em alimentos ou perfumes. Os gerânios cultivados no clima da China e Egito, possuem mais citronelol, componente que confere a eles uma nota mais acentuada ao fundo que lembra citronela. Eles podem ser utilizados em substituição aos de melhor qualidade olfativa e como repelentes de insetos, mas, em alimentos e perfumes, a nota de citronela sobressai impossibilitando seu uso.

O gerânio selvagem da Albânia, o mais caro hoje no mundo, é um dos queridinhos da Laszlo. As plantas são mantidas em ambiente silvestre/selvagem onde nascem sem qualquer interferência humana posterior à sua aclimatação, uma forma de produção superior ao cultivo orgânico, que é comumente fora do ambiente natural da floresta. Por ficarem expostas a elementos naturais da mata (insetos e ervas daninhas), elas produzem altas cargas de óxidos, princípios ativos que lhes fazem aumentar seu poder de defesa e ação antimicrobial de forma muito especial. Os ésteres neste óleo, sobem igualmente, com redução dos álcoois (citronelol e geraniol), gerando um óleo mais sedativo, ansiolítico e mais potente em níveis terapêuticos, principalmente por ter uma força vital mais concentrada devido à qualidade de vida destas plantas. Apesar de ter menos geraniol no óleo, o gerânio da Albânia é um dos que possui perfume mais intenso de rosa por causa dos seus ésteres e óxidos de rosa.

Quer estudar a química dos óleos essenciais comparando a cromatografia destes variados geotipos de gerânios, baixe nossas análises em: http://www.laszlo.ind.br/CROMATOGRAFIASLASZLO.rar

Textos: Fabian Laszlo
Óleo essencial disponível na Pria

PRIA
Sua saúde natural!

www.pria.com.br