ÓLEO DE GERÂNIO REJUVENESCE A PELE AO ATUAR SOBRE O SISTEMA IMUNOLÓGICO LOCAL

Estudo demonstrou capacidade dos óleos essenciais de gerânio, hortelã verde e capim limão em inibir a migração de neutrófilos. Os neutrófilos são pequenos glóbulos brancos responsáveis pela linha principal de defesa do nosso corpo, Os neutrófilos liberam enzimas localmente com a intenção de destruir microorganismos ou toxinas, o que acarreta a formação de lesões locais, e possui associação direta também com o envelhecimento da pele, pois destas enzimas, a colagenase e a elastase especialmente, destroem o colágeno e a elastina da pele dando origem a rugas, manchas e um mau visual da mesma.

O tea tree no estudo não foi eficiente em inibir a migração dos neutrófilos e o óleo de gerânio foi o mais eficaz.

Estas observações apontam e confirmam o potencial de uso do óleo de gerânio em cosméticos com intenção de rejuvenescer a pele e prevenir a formação de rugas. Igualmente, demonstra potencial de uso destes óleos em situações inflamatórias onde a migração imunológica local é motivo de preocupação e agravamento de lesões, como exemplo, a degradação articular com o surgimento da artrose, incitada inicialmente por algum tipo de bactéria localmente.

Abe S1, et al. Suppression of neutrophil recruitment in mice by geranium essential oil. Mediators Inflamm. 2004 Feb;13(1):21-4.
LINK: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC1781532/pdf/15203560.pdf

Este óleo você encontra na

so_pria
Sua Saúde Natural!
www.pria.com.br

Anúncios

ÓLEO DE PATCHOULI COMO IMUNOESTIMULANTE

10873015_762209390516675_2493066612233852153_o

ÓLEO DE PATCHOULI COMO IMUNOESTIMULANTE
Tonifica timo, baço, aumenta a fagocitose e imonoglobulinas

O óleo de patchouli tem demonstrado em estudos recentes ter propriedades imunomodulatórias, anticancerígenas, antialérgicas e antivirais (destrói o vírus da gripe, inclusive o H1N1).

Neste presente estudo, foi observado que o patchoulol, principal componente do óleo de patchouli (25-40%), aumentou a atividade fagocitária de macrófagos, o que é interessante e útil frente a microorganismos invasores (infecções) e tumores.

O patchoulol promoveu aumento do tamanho do timo e baço impedindo a atrofia induzida destes órgãos quimicamente, demonstrando profundo efeito deste óleo essencial como tônico imunológico do timo e baço.

Houve igualmente aumento da quantidade de imunoglobulinas circulantes (IgG e IgM) aumentando a resposta humoral frente a agentes invasores e neutralização de toxinas.

Foi notado também ação inibidora da inflamação por ação sobre a COX-2 com boqueio de prostaglandinas 2 e pela inibição de células imunes associadas a mecanismos inflamatórios pela liberação de citocinas.

Immunomodulatory Potential of Patchouli Alcohol Isolated
from Pogostemon cablin (Blanco) Benth (Lamiaceae) in
Mice. LINK DO ARTIGO: http://www.ajol.info/index.php/tjpr/article/viewFile/93275/82688

O óleo de patchouli pode ser empregado em difusores ambientais (6-12 gotas) visando aumentar a imunidade, em nebulizadores de máscara (3 gotas) para vasos crônicos de imunidade baixa, ou ainda topicamente diluído em gel ou creme de massagem (45 gotas em 100 gramas de creme ou gel).

DICA DE MISTURA IMUNOESTIMULANTE:

– Patchouli dark Laszlo (35-40% patchoulol, ativador da fagocitose) – 20 gotas
– Pimenta rosa ou breu preto (10% aproximadamente de a-felandreno, ativador da fagocitose) – 20 gotas
– Tea tree (35-40% terpinen-4-ol, recrutador de linfócitos) – 20 gotas
– Em base Aloegel Laszlo 100 gramas

Misturar bem e aplicar em massagens corpo todo ou local.
* Não utilizar em pessoas com doenças auto-imunes como lupus devido ao seu efeito imunoestimulatório.

Teor de patchoulol de acordo com cromatografia dos patchoulis da Laszlo:

Patchouli Dark (extraído em destilador de ferro) – 37%
Patchouli light (extraído em destilador de aço) – 25%
Patchouli extra-light (extraído em destilador de aço) – 39%
Patchouli old (reserva-selecionada envelhecido 5 anos) – 36%

texto por Fabian Laszlo

Estes óleos estão disponíveis em:

so_pria
Sua Saúde Natural!
www.pria.com.br

 

 

DEIXE DE TER HERPES PARA SEMPRE COM O AMINOÁCIDO LISINA

10562930_658446487559633_7678370809105242000_n

Há cura para herpes genital? / Por Phil Bate
Tradução de Renato Alves.

Não há “cura”, mas se a pessoa acometida ingerir lisina (um amino-ácido comum) em quantidade suficiente, então a herpes permanece no corpo e não passa ao estágio reprodutivo, que é o da “afta”. Esta afta se consiste de diversas bolhas cutâneas muito pequenas em uma área, sendo o infeccioso líquido interno a estas bolhas minúsculas.

Na maioria das vezes, se mantido o “equilíbrio” entre lisina e arginina, este estágio de reprodução não ocorre. Tomo 1.000 mg de lisina, durante a maior parte de minha vida, e jamais “transmiti” herpes a ninguém. Ann Landers tentou firmar a idéia de que “as aftas ao redor da boca eram diferentes das ao redor do pênis ou da vagina”, mas ela estava equivocada.

Existe também uma solução muito eficiente para o “surto” muito infeccioso. Quando despontarem as aftas em uma área, não importa qual seja, irá irritar. NÃO COCE. Pegue uma barra de sabonete, umedeça um dedo e esfregue-o no sabonete, até formar espuma no sabonete. Delicadamente, esfregue esta espuma sobre a área com as bolhas minúsculas de herpes. Agora, vem a parte difícil. Use o mesmo dedo e raspe toda a área com a unha, rompendo as bolhas fluídicas da herpes. O sabonete extermina a herpes, e uma pequena casca de ferida irá permanece por apenas um dia, aproximadamente. Neste momento, não é mais infecciosa.

É mais barato e melhor do que qualquer produto farmacêutico e, provavelmente, mais eficiente também. Faço isso por anos.

Phil Bate, médico, psicólogo ortomolecular (há mais de 30 anos). Inventor da terapia NT. Uma abordagem terapêutica barata, eficiente e “caseira” para distúrbio de déficit de atenção, autismo, insônia, depressão etc.

pria.com.br